junho 18, 2006

"...Mas se um dia eu chegar muito estranho..."

Se alguém tem duvidas que todo canceriano é o puro sentimento, não tenha mais, pois eu sou a prova mais viva disso!!!
Tenho vivido um turbilhão de sentimentos...
Meio triste, muito feliz, com uma vontade imensa de chorar, dando risada para o vento, precisando de um norte, aponta norte aos que me solicitam, vivendo de amor, sozinha, equilíbrio, desajuste.... e o tico e o teco vivem dando ponta pé o cupido!
Não entendo muito bem isso tudo, não sei se é para entender, só sei o que sinto e isso não da para explicar!

"...Então misture tudo dentro de nós..."

Vejo mudanças em mim, mudei e muito!
Tudo mudou nada mais será como antes, mas agora eu dei ainda mais valor às antigas amizades que estão firmes e fortes todas as vezes que preciso,pessoas que realmente me acolhem mesmo que distantes em alguns casos, valorizando também às novas amizades e às pessoas maravilhosas que entraram em minha vida, às pessoas que realmente gostam de mim, que realmente fazem questão de mim, grifo o valor ao espírito e as pessoas que SE fazem belas dando um verdadeiro significado a essa palavra, as pequenas felicidades, gestos e palavras já não passam despercebidos, tenho valorizado os meus estudos, o meu futuro, as pessoas que realmente amo, tenho verbalizado mais meus sentimentos, dito mais eu amo, eu sinto, valorizado à DEUS e à minha vida!
Mas vejo uma mudança importante em relação a uma pessoa que achava que amava, um amigo, confidente, um cúmplice, companheiro, achava que isso nunca ia se abalar, nunca iria mudar... mas mudou!
Hoje vejo que na verdade essa pessoa nunca se fez importante para mim, a verdade é que eu o fiz assim, nunca foi meu amigo de verdade, não é tão onipotente assim, não me respeitou como deveria, não foi maduro o suficiente para uma conversa franca, preferiu ignorar os fatos, alias isso é bem mais fácil mas não é muito digno! Mudou tudo, o encanto se foi e o que quebrou aqui dentro de mim pode até ser um dia colado, mas as marcas já mais serão apagadas e essas serão para sempre!
A principio sofri um pouco, mas hoje eu simplesmente NÃO ME IMPORTO mais! E sabe de uma coisa, quem perdeu não foi eu, por que hoje eu sou MUITO MELHOR!

Não tenho a pretensão de que todas as pessoas que gosto, gostem de mim...
Nem que eu faça a falta que elas me fazem, o importante pra mim é saber que eu, em algum momento, fui insubstituível... E que esse momento será inesquecível...
Mario Quintana.


"...Por que ninguém vai dormir nosso sonho..."

Dizem por ai que eu sonho demais, mas por enquanto isso não paga e me faz rir, me transporta para outros países, mas faz "apaixonar" por quem ainda não conheci, me reafirma valores, ta bom os meus valores podem ser um pouco "caretas" mas por enquanto não abro mão deles!

"... O amor não é um filme..."

- Doido, engraçado, inteligente, livre, simples, desastrado, carinhoso, gostoso, cheiroso, quero para sempre ao meu lado não como é, mas como foi e será, meu ciclo vicioso, a "missão" é sair desse ciclo vicioso antes que uma catástrofe aconteça!

"... Quase não da para ser feliz"

- Faixa etária que me agrada, animado, antenado ao nosso tempo, mas falta dependurar o currículo no pescoço com suas viagens, experiências de uma vida burguesa, seus bens, MBA´s, livros lidos e colocar um luminoso na cabeça dizendo: Veja como sou culto, inteligente e interessante.
Me desculpe mas ter (acesso) curso superior e afins não significa que é inteligente, experiência burguesa, bens e a maneira como manuseia os talheres, os melhores e mais caros lugares que freqüenta, não, isso definitivamente não me impressiona!

"... As estrelas não se apagam ao tocar..."
"....Que vontade de ter você, mas tenho medo..."

" Feio", pobre,mora longe e fala errado!
Obviamente essa uma brincadeira que faço, afinal de contas não sei se o telefone é difícil de decorar, sei q o cabelo ajuda um pouco!!! rs rs rs ahhh... e mora mais perto do que eu!!!
- Inteligente, observador, curioso, tímido, serio, interessante, sistemático, de pouca conversa, charmoso, discreto, paciente, educado, trabalhador, enigmático, profissional, parece que sempre tem algo a me dizer e não tem coragem, tem também um defeito prateado HORROROSO na mão direita, olha para meu decote, me paquera mas tem medo de se aproximar, me elogia, me inibe (não sei porque), me faz rir, tem me tirado o juízo e sinto q tiro o dele tbm, mãos lindas, me da uma certa segurança, de maneira muito distinta faz perguntas pessoais, passar uma ar de deslumbramento sobre a minha pessoa e por ai vai...
Bem... posso ser a pessoa mais falante, mais simpática, mais sorridente do mundo, mas não me peça para ter iniciativa com um homem que isso eu não consigo mesmo, morro de vergonha, fico tímida! A verdade é que falta apenas o primeiro passo, o que vem depois disso não sei, mas a expectativa é que seja algo de bom!

"Escrevo por não ter nada a fazer no mundo: sobrei e não ha lugar para mim na terra dos homens. Escrevo porque sou um desesperado e estou cansado, não suporto mais a rotina de me ser e se não fosse a sempre novidade que é escrever, eu me morreria simbolicamente todos os dias. Mas preparado estou para sair discretamente pela saída da porta dos fundos. Experimentei quase tudo, inclusive a paixão e o seu desespero. E agora só queria ter o que eu tivesse sido e não fui."
Clarice Lispector


Ufa.....
Seção desabafo chega ao fim, pelo ao menos por hoje...
Acho que agora estou mais leve! Mas ainda tenho muito a "dizer"!